quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Ofurô para Bebês

Fico feliz em saber que o meu filho Pedro, terá experiências ao nascer tão reconfortantes.
Com o acesso a Internet, tive a oportunidade de conhecer um mundo novo para apresentar ao meu pequeno, mundo este que quando nasci não era tão divulgado, e de tão fácil acesso para meus Pais. Parto humanizado, shantala, homeopatia, acupuntura, livros sobre puericultura, músicas para bebês, tudo esta ao nosso alcance.
Agora temos mais uma novidade, ofurô para bebês, a banheira Tummy tub da ao bebê a familiar sensação de proteção que ele tinha no útero materno.

Segundo o site Guia do Bebê


A banheira terapêutica, BabyTub ou ofurô para bebês, como é conhecida no Brasil, é um daqueles artigos que toda mãe sonha em ter para seu filho. Criada por holandeses a fim de garantir aos bebês mais saúde, tranquilidade e relaxamento durante os banhos, a banheira é sucesso em vários cantos do mundo e tem como um dos destaques o fato de ter sido planejada para fazer com que o bebê se sinta em um ambiente mais próximo das lembranças que ele tem do útero da mãe. O seu uso traz benefícios que surpreendem até mães mais experientes, como o fim do choro durante os banhos, a diminuição de cólicas e um sono mais tranquilo.

Com a BabyTub, os bebês se adaptam facilmente à posição fetal e permanecem calmos e relaxados. Isto porque a banheira tem função terapêutica e proporciona o encaixe perfeito do bebê, ao contrário das banheiras comuns que oferecerem um espaço maior e mais iluminado, que nada o faz lembrar do útero materno, aquecido e arredondado, que o protegeu durante nove meses.

Pesquisas revelam que mais de 85% dos banhos em bebês causam desconforto e rejeição à água por conta da memória sensitiva. O bebê entra em contato com a água e sente como se estivesse de volta ao útero da mãe. Logo em seguida, ele percebe que o ambiente não é protegido como antes e que nem mesmo a posição na qual ele se encontra é habitual. Ele, então, enrijece o corpinho e começa a chorar. A partir daí entra em um estado de stress, o que pode ocasionar diversas reações intestinais após o banho, como as cólicas, o que efetivamente não acontece após os banhos na BabyTub.

Feita com material atóxico e pigmento orgânico, a banheira não solta nenhum tipo de resíduo em contato com a água quente, e não contem frisos cortantes. Transparente, facilita a visualização do bebê, e é fácil de transportar mesmo quando está cheia - não só pelo seu peso reduzido, mas também por ter alças ergonômicas. Possui base antiderrapante e tem um centro de gravidade, na parte inferior, que permite grande estabilidade e segurança. Além disso, é um produto reciclável, o que soma esforços de cooperação para uma melhor sustentabilidade do planeta.

Com todas essas características, já é possível ver a diferença da BabyTub e dos baldes convencionais. Mas a banheira tem mais um ponto ao seu favor: ela mantém a água quente durante cerca de 20 minutos, o que ajuda a tornar o banho mais gostoso, tanto para o bebê, que terá uma experiência agradável, quanto para a mãe que, ao invés de choro, verá alegria.





Um comentário:

  1. Adorei Rê!
    É isso mesmo banho de balde no moleque!!
    Bjo
    Rentz!

    ResponderExcluir